.

Por indicação do Vereador Keilo Borges, o Senhor Ari Alves do Nascimento recebeu neste ano o título de Cidadania da Cidade de Iporá.     

Ari Alves do Nascimento nasceu aos 22 dias do mês de janeiro de 1961 na cidade de Amorinópolis- GO, filho de Lazaro Alves do Nascimento e Maria Alves do Nascimento, casado com Eliane Alves e Silva Nascimento com quem tem 2 filhos: Aildo Ribeiro da Silva Neto (Engenheiro Ambiental e consultor imobiliário) e Ari Alves do Nascimento Júnior (Engenheiro de Automação e bancário). 

A história de nosso agraciado teve início em Amorinópolis até os seis meses de idade; depois seus pais se mudaram para a fazenda Jacaré no município de Iporá, viveu ali até os sete anos, uma infância simples de filho de um agregado da fazenda com seis filhos. Depois desse tempo seus pais vieram para a cidade de Iporá para residirem na Rua José pais de Toledo, Bairro do Sossego até o ano de 1987, quando se casou e mudou para o Bairro Mato Grosso e reside ali até hoje. 

Durante sua juventude foi jogador de futebol e teve passagens por várias equipes de Iporá (Juventude, Umuarama, Cedro, Jacaré, Gigante do Rio Bonito- Caiapônia, Bier Futebol Clube, Araguaína Futebol Clube, Rio Preto Futebol Clube, São José de Ijui- Ijui), chegando a ser campeão Regional pela Equipe da Associação Atlética Iporaense como Goleiro Titular. 

Ficou órfão de pai assim que se mudaram para Iporá, sendo criado por sua mãe Maria Alves e sua Avó Dorcina Luiza Mota, duas mulheres honradas que tinham seus princípios baseados no Evangelho e o educaram com sabedoria a qual é perceptível em sua Educação religiosa. 

Por ter que trabalhar muito cedo não teve muitas oportunidades de estudos, tendo seus estudos iniciais na Escola Estadual Dom Bosco (tendo como colegas de classe Naçoitan Leite, Dra. Mirian Veloso, Dra. Liliana Menezes, José Antônio Sobrinho Júnior, Cícero Caetano e outros respeitados cidadãos Iporaenses) tendo sua vida marcada por uma professora especial, Orcelina, que o apoiava e lhe deu educação acadêmica; seguindo seus estudos também estudou no Colégio Estadual Elias Araújo Rocha. 

Durante sua trajetória de trabalho foi lavrador, vendedor ambulante, cobrador de ônibus (Araguaína), e nesse período juntou uma poupança e comprou um pit dog que instalou na Praça da Liberdade no ano de 1984 com o apoio do prefeito da época, José Antônio da Silva Sobrinho, e até os dias de hoje ainda continua trabalhando no mesmo lugar sendo conhecido e respeitado por seu trabalho e pelo sabor de seus sanduiches tradicionais. 

Através de seu trabalho honesto e de sua esposa, hoje também é pequeno produtor rural e grande conhecedor da política. Como gosta muito do tema vem sendo procurado por vários políticos e pessoas da cidade para conversar e dialogar sobre o assunto, tendo muitos amigos de várias siglas partidárias, onde juntos fazem grandes análises de resultados e prospectos de eleições e candidatos sem desprezar quem quer que seja. 

Exemplo de dedicação, em Iporá, Ari Alves fez muitos amigos e admiradores que o reconhecem como homem de bem e merecedor do título que ora lhe é oferecido. 

Homem influente, respeitado por todos, e admirado por sua determinação e força de vontade, bom esposo e bom pai. 

Fonte: Assessoria do Vereador Keilo Borges

Data de publicação: 11/12/2020

Compartilhe!